19 agosto 2005

Aos Pulos!!!!

Hoje estou assim! Aos pulos! Contente!
Feliz com a expectativa do teu regresso.
Voltas amanhã, das intermináveis férias com o Pai!
Hoje quando falei contigo ao telefone, atendes-te assim:
- Mãezinha linda...
Ohhh o meu coração, o meu coração embrulhou-se todo. Naquele momento podias-me pedir todos os Action Man's e Homens Aranhas do hipermercado que eu ía na hora comprá-los.
Houve uma lágrima que teimou em cair. Mais uma vez faltei à promessa que te havia feito. Eu que tinha a mania de me armar em forte... agora lixei-me! agora choro e choro mesmo!
Passei vinte dias de "cão", não andava, arrastava-me. No início fiquei assim, meia sem reação, parecia indiferente a tudo. Mais ou menos a meio da tua "longa" ausência, comecei a ficar irritada, ninguém me podia dizer nada. Depois, veio a avalanche!
Para quem me conhece e sabe que não sou "choramingas", concerteza que ficaram a pensar que devia estar com alguma depressão.
Depois, ver as tuas fotos sempre a passar no monitor do meu computador (ainda por cima o sacana é grande, tem 21 polegadas), tu com aquele teu sorriso... Meu Deus, só tinha vontade de chorar...
Quando chegava ao emprego pela manhã, a primeira coisa que pensava era: vou ligar, para falar com ele.
Depois lá me dava uma luz e pensava: Irra que a mulher é chata! ainda agora são 9 horas da manhã, não percebes que estão de férias?
Tentei-me sempre desculpar, afinal este foi o primeiro ano, da nossa "separação", de muitos que se adivinham.
Aqui a Mãe, está a criar anticorpos, e estaleca, para aguentar com os outros.
Talvez para o ano, não seja tão difí­cil...
Agora que já chorei por anos, em que as lágrimas não me cai­ram; agora que emagreci 2 kilos de saudades; agora vou te ter de volta amanhã.
Vou tentar não te esmagar com os meus abraços!
Havia de ser bonito... tu nas urgências com um ombro deslocado, por causa dos abraços da "doida" da Mãe!
Até amanhã!

2 comentários:

Tão só, um pai disse...

Cara mãe, este pai sofre do mesmo síndroma. Mal os deixo fico logo desestabilizado.

stela disse...

é... hoje não há só Mãe Galinhas... diria também que há Pais Galos ( :