15 fevereiro 2007

Sem palavras...




















Não consigo dizer nada...
isso de que falas,
traz-me recordações de coisas que preferia esquecer,
de coisas que ainda doem,
decisões tomadas,
medidas precipitadas.

A tua dor funde-se na minha,
e as recordações que pensava esquecidas,
voltam a abrir a ferida que afinal ainda cá está,
há um elo de ligação entre nós,
que nos faz viver vidas parecidas,
e que teima em lembrar o que pensava esquecido.

Desculpa, mas não consigo falar...


imagem: www.images.com

10 comentários:

TONY, Duque do Mucifal disse...

sei muito bem aquillo que te estás a referir,. eu perdi a minha namoraha em fevereiro de 2006. passado este tempo todo, telefono-me ontem ás 01 da manha, a chorar a dizer que estava arrependida. E sabes, o pior é que o meu coração pouco reagiu. Continuo profundamente magoado.

Ivo disse...

Decisões
Precipitadas, ou não!!

MAs... neste tipo de situações, ja não digo nada!!

Let's going... Não vale a pensa ser, estar, fazer, acontecer!!

Será!!

Alma Nova disse...

Então amiga?! Deixa sair as palavras, não acorrentes os pensamentos. Sabes que, cá bem no fundo, as memórias ficam, boas e más. Mas temos de conseguir alimentarmo-nos do que foi bom e por de lado o que nos magoa e faz sofrer. Força, amiga. conta comigo. Jokitas.

Juda disse...

Olá, vai ter que dizer o que lhe vai na alma... bom poema... um abraço...

chuvamiuda disse...

................

Narizinho,

não consegues falar, mas consegues escrever e muito bem!

...............

Beijo e sereno fim-de-semana

GK disse...

Talvez seja esta a altura de as resolver...
Boa sorte. Bj.

Maria disse...

Minha Amiga, se não te apetece falar, não fales. Pensa simplesmente que a Vida, boa ou má é o nosso maior presente. Um mulher linda como tu de certeza irá ser presenteada pela Vida, o que hoje te parece Dor, amanhã será um sorriso de alegria no teu rosto. Sabes que por vezes a vida tem estranhos caminhos, mas todos eles tem razão de ser e quer queiramos ou não temos de os percorrer...e esse sorriso já está de novo no teu rosto? Espero que sim, este mundo precisa de muitas e muitas pessoas lindas como tu...
Beijitos
Maria

taninos disse...

As tuas palavras colam-se ao meu corpo como se minhas fossem.
Doí e parece que não vai parar de doer.
Mas irá um dia ser uma memória.
Tenho que acreditar que sim. Aquece-me a alma saber que outros tentam como eu.
Gostei de te ler.
Conta com estes olhos de alma pela lama.

chuvamiuda disse...

..................

Beijo Narizinho


Noite serena

SoNosCredita disse...

não digas.

há coisas que ficam... !